Menu

Governança transfronteiriça na bacia do rio da Prata: status e perspectivas

O artigo é de autoria de Pilar Carolina Villar, Wagner Costa Ribeiro e Fernanda Mello Sant’Anna

RWIN
Publicado em 31 de julho de 2018 às 19:05 Compartilhar:

O artigo Governança transfronteiriça na bacia do rio da Prata: status e perspectivas foi publicado na revista Water International no dia 26 de julho de 2018. Confira abaixo o resumo (traduzido).

O arranjo institucional transfronteiriço da Bacia do Rio da Prata é um sistema complexo com diferentes bases e âmbitos geográficos, incluindo 14 organizações internacionais, quatro comitês técnicos e uma comissão de águas subterrâneas (ainda não implementada). Este artigo examina essa arquitetura institucional delineando as características dos arranjos cooperativos estabelecidos nos tratados, como forma de analisar como ocorre o processo de governança da água entre estados ribeirinhos. O grande número de instituições contrasta com o modesto número de ações e projetos conjuntos, o que suscita questões sobre o seu papel no processo de governança, principalmente considerando a falta de transparência e de informações sobre seu desempenho.

Para acessar o artigo completo, é preciso pagar uma taxa. Confira aqui revista online.

Compartilhar: