Menu

Infraestrutura no Brasil segundo Paul Procee, líder para infraestrutura do Banco Mundial no Brasil

Sem dinheiro, sem planejamento e sem transparência: eis o estado da infraestrutura no Brasil

Paul Procee, líder para infraestrutura no Brasil do Banco Mundial. Créditos da imagem: Fecomércio
Publicado em 3 de dezembro de 2018 às 13:12 Compartilhar:

Por Alcides Faria, diretor executivo da Ecologia e Ação – Ecoa

- O investimento do Brasil em infraestrutura é de aproximadamente 2% do PIB desde os anos 1990, muito abaixo de economias emergentes grandes como a Índia e a China, que investem entre 4% e 7% do PIB no setor.

- Os planos governamentais costumam ser uma grande lista de projetos que não são baseados necessariamente em avaliações de impacto econômico e social de longo prazo.

- Sobre os licenciamentos, aponta que a solução não é ignorar fatores sociais e ambientais e sim mapeá-los de forma clara desde o início do projeto para que a melhor alternativa seja definida.

- O Brasil é um país com grandes recursos naturais e investidores de fora sabem disso muito bem, e até o setor privado que vem para cá não quer ser visto lá fora como alguém que vai criar maiores problemas ambientais.

Fonte: Revista Exame - O problema (e solução) da infraestrutura segundo Procee, do Banco Mundial

Foto de capa por Fecomércio

Compartilhar: