Menu

Projeto ECCOS: Diretor da Ecoa inicia levantamento de dados e informações na APA Baía Negra

Ecoa lidera ações da porção brasileira do Projeto transfronteiriço ECCOS

visita a apa baia negra junho 2018 - eccos (6)
Publicado em 12 de junho de 2018 às 19:50 Compartilhar:

O diretor presidente da Ecoa, André Luiz Siqueira, reuniu-se nesta segunda-feira, 4, com representantes da Associação de Moradores da Área de Proteção Ambiental (APA) Baía Negra, no município de Ladário/MS, dando início a levantamentos de dados e informações que farão parte de um pacote de ações propostas a comunidade, para o fortalecimento do Plano de Manejo da APA.

Entre as proposições, o fortalecimento das cadeias produtivas, a organização social e a participação em espaços de diálogo, promovendo incidência no processo de tomada de decisões, são parte da iniciativa transfronteiriça ECCOS (Ecorregiões, Conectadas, Conservadas, Sustentáveis).

A APA Baía Negra surgiu em 2010 e é a primeira Unidade de Conservação de uso sustentável no Pantanal, da qual a Ecoa fez parte do primeiro conselho gestor, colaborando para consolidação da mesma. Também vem contribuindo diretamente para aplicação do Plano de Manejo e, a partir deste ano, pelo projeto ECCOS, conseguirá fortalecer seus mecanismos de gestão, alinhado a promoção das atividades produtivas das famílias residentes.

ECCOS é resultado de um consórcio de instituições liderado pela Fundação para a Conservação do Bosque Seco Chiquitano (FCBC), da Bolívia, do qual também fazem parte: a Fundação Amigos da Natureza (FAN), a Associação para a Conservação da Biodiversidade e o Desenvolvimento Sustentável (SAVIA), Governo Autônomo Departamental de Santa Cruz, da Bolívia, e Bosques del Mundo-Florestas Mundiais (BdM), da Dinamarca.

Semana de Meio Ambiente

Na mesma data, 4 de junho, ocorreu a 10ª Semana de Meio Ambiente de Ladário e a abertura do evento foi realizada com a apresentação do Diretor Presidente da Ecoa, André Luiz Siqueira, sobre o tema “Unidades de Conservação e Comunidades Tradicionais”. Foram destacadas a importância da APA para o município, esta que é um marco no Pantanal, e que estruturas como essa sejam pensadas para que se alinhe a conservação ambiental com o bem estar das populações locais.

Compartilhar: