//

Rumo aprova início de construção de ferrovia no Mato Grosso

2 minutos de leitura

Lais Carregosa, Poder360

O Conselho de Administração da Rumo aprovou o início da construção do trecho da Malha Norte, no Mato Grosso, informou a companhia nesta 5ª feira (3.nov.2022). A ferrovia vai escoar a produção de grãos do Estado para o Porto de Santos, em São Paulo. Eis a íntegra do comunicado.

A expectativa é que a construção leve 3 anos, com início de operação previsto para o 1º trimestre de 2026 e investimento estimado na faixa de R$ 4 a R$ 4,5 bilhões. As projeções são apenas para a fase que liga Rondonópolis a Campo Verde –trecho de 211 km de extensão– apesar de o projeto também prever a conexão de Cuiabá e Lucas do Rio Verde.

Em agosto, o presidente da Rumo, João Alberto Abreu, disse em entrevista ao Poder360 que a companhia estava revisando os estudos para construção da ferrovia. “O fato de a inflação ter impactado muito os custos de vários produtos fez com que nós revisássemos uma série de estudos”, afirmou.

Em 2021, a Rumo celebrou um contrato para a construção da extensão da Ferronorte no Mato Grosso. A outorga foi obtida por meio de uma lei estadual que estabeleceu o instrumento de autorização.

O principal objetivo do trecho é escoar a produção de grãos. Segundo a Rumo, o terminal de Campo Verde terá capacidade instalada na faixa de 10 a 30 milhões de toneladas úteis por ano.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Mais recente de Blog

Boletim Sabores: Cumbaru

Material faz parte do Programa “Valorização de Plantas Alimentícias do Cerrado e do Pantanal”, da UFMS

Formigas polinizadoras

A espécie Camponotus crassus é a principal responsável pela fecundação de um tipo de sempre-viva do