/

Físico considera que análises sobre o excesso de energia no Brasil contém certa “irresponsabilidade”

1 min de leitura
Leilão energia Eletrobrás/

Físico comenta análises trazidas por matérias recentes sobre “excesso de oferta de energia”. Considera conter certa “irresponsabilidade”.

O diretor geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Sandoval Feitosa propôs pausar o crescimento da oferta de energia. Considera que a demanda estagnada pela desaceleração econômica, os novos projetos entram no sistema para competir com energia velha, o que leva a um cenário de sobreoferta de eletricidade no país, onerando ainda mais a conta de luz. O excedente estaria hoje em torno de 27% e deve bater em 30% em 2025.

Leia também: Brasil tem ‘sobreoferta gigantesca’ de energia elétrica, diz diretor da Aneel

Sobre essas analises e a declaração do diretor da Aneel, Shigueo Watanabe Jr, físico, colaborador do Climainfo e membro do Núcleo Energia do GT Infraestrurtura vê irresponsabilidade.

“Os reservatórios estão cheios como nunca na sequência de 3 anos de Las Niñas e de um crescimento pífio da demanda. É provável que teremos um El Niño forte e um verso mais seco no Sudeste teremos que rezar para o ONS não deplecionar os reservatorios como fez em 2020 o que agravou a criar hídrica no ano seguinte.”

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Mais recente de Blog

Pantanal

O Pantanal é reconhecidamente uma parte do Planeta com características especiais e particulares, características essas que