Menu

MP identifica danos de represa em rio do Pantanal

O Correntes e o Pantanal sofrem com os impactos da usina Ponte de Pedra

vistoria-riocorrentes-ago-fotosethieny (1)
Publicado em 13 de setembro de 2018 às 18:33 Compartilhar:
vistoriariocorrentes-ago-2018-fotosethieny (112)

Rio Correntes  (Foto: Ethieny Karen)

Em vista ao rio Correntes, um dos que abastece o Pantanal e localizado na divisa Mato Grosso do Sul/Mato Grosso, Ministério Público constatou graves danos ambientais causados pela usina hidrelétrica Ponte de Pedra:

- A degradação dos serviços ecossistêmicos do Pantanal.

- A frequente elevação e rebaixamento do nível do rio, que alteram a dinâmica das águas do Pantanal e que podem decorrer da abertura e fechamento de comportas da hidrelétrica.

- Escassez de peixes e ausência de outros animais.

- Alteração da flora local.

- Formação de bancos de areia e o desaparecimento de baías.

 

A fonte é a notícia divulgada pelo MP/MT.

Foto de capa: promotor de Justiça Cláudio Ângelo Correa Gonzaga (Foto: Ethieny Karen).

Compartilhar: