Oito novas brigadas em defesa do Pantanal e Cerrado

2 minutos de leitura
1

Ao longo do mês de novembro, 56 pessoas de comunidades ribeirinhas, populações indígenas e propriedades rurais no Pantanal e Cerrado, foram capacitadas para atuarem na prevenção e combate aos incêndios.

As brigadas foram compostas em trabalho conjunto pela Ecoa em parceria com o WWF-Brasil e Prevfogo/Ibama, responsável pelo treinamento.  Além disso, também tivemos apoio da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, que cedeu a Base de Estudos do Pantanal para atividades da formação.

As novas brigadas foram compostas em quatro regiões do estado do Mato Grosso do Sul: na Aldeia Água Branca, em Nioaque (MS); Aldeia Mãe Terra, em Miranda (MS); nas proximidades da Base de Estudos do Pantanal da UFMS; na região do Passo do Lontra; na Fazenda Xaraés, também em Passo do Lontra (Corumbá); e nas comunidades de Rio Negro e Cedrinho, em Taquari, Corumbá (MS). Saiba mais aqui

Veja abaixo imagens da formação em cada um dos locais, feitas por Manuela Nicodemos, comunicóloga que compõe nossa equipe e é a mobilizadora local das novas brigadas.

 

Aldeia Água Branca – Nioaque (MS)

 

Aldeia Mãe Terra e Vila São Miguel – Miranda (MS)

 

Passo do Lontra – Corumbá (MS)

 

Taquari – Corumbá (MS)

 

Alíria Aristides

Jornalista no núcleo de comunicação da Ecoa

1 Comment

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Mais recente de Blog