/

Mortes violentas aumentam na Amazônia – Destaques GT Infra

4 minutos de leitura
Foto: Wirestock / Freepik

GT-Infra é o Grupo de Trabalho de Infraestrutura, uma ampla rede – que a Ecoa participa –  composta por pesquisadores e organizações não governamentais que debatem e definem estratégias para a área de infraestrutura no Brasil.

Veja abaixo as notícias publicadas na última newsletter divulgada pelo GT:

Mortes violentas diminuem no Brasil, mas aumentam na Amazônia

Segundo novos dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), divulgados nesta terça-feira (18/6), a Amazônia tem 13 das 30 cidades mais violentas do país, como repercutiu o UOL. “A Amazônia é disputada por diferentes matizes de criminosos, que vão desde madeireiros, grileiros e garimpeiros até narcotraficantes”, destacou o Metropoles. Enquanto isso, o Brasil registrou uma queda de 6,5% de mortes violentas em relação a de 2020. 

G7 cria “Clube do Clima” para padronizar regras que limitam emissões

Os líderes do G7, as sete economias mais ricas, anunciaram nesta semana a criação do “Clube do Clima”. Entre as principais medidas da iniciativa, que, por enquanto, deixaram de fora os principais poluidores, é  padronizar legislações de emissões de carbono, evitando disputas tarifárias no mercado verde. O Valor deu detalhes.

Consumidores da Light podem pagar 26% menos na conta de luz com redução dos “gatos” 

Quanto as ligações elétricas clandestinas – os chamados “gatos” – custam ao bolso do consumidor? De acordo com pesquisa do Instituto Escolhas, as 10 milhões de pessoas atendidas pela Light em 31 municípios do Rio de Janeiro economizariam 26% na conta de luz se as perdas decorrentes dos gatos fossem reduzidas para o nível médio nacional. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, dia 29 de junho na onepage “Mais da metade do RJ poderia pagar 26% menos na conta de luz”, elaborada pelo Escolhas, em parceria com pesquisadores do GENER/NIMAS – Universidade Federal Fluminense. Segundo a pesquisa, em números absolutos, as perdas decorrentes dos “gatos” na região atendida pela Light chegam a R$ 1,9 bilhão mensais, tendo em vista os valores da tarifa média com impostos.

GT Infra em ação

Encontro em Alter é na próxima semana!

Depois de mais de dois anos de reuniões remotas, o GT Infraestrutura vai voltar a se reunir presencialmente, em Alter do Chão, no Pará, entre os dias 4 e 6 de julho de 2022. O encontro vai reunir e articular movimentos locais, lideranças indígenas e ribeirinhas, movimentos dos atingidos por barragens, organização da sociedade e academia e jornalistas. O objetivo maior é promover a articulação das organizações e movimentos sociais na defesa do território e a construção de propostas para uma economia sustentável na Amazônia, cuidando da floresta, das suas cadeias de valor e das pessoas que nela vivem. Os convidados que não puderem ir, vão ter a opção de assistir online. Os interessados podem se manifestar entrando em contato com a secretaria executiva ou respondendo a esse email.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Mais recente de Blog

Pantanal

O Pantanal é reconhecidamente uma parte do Planeta com características especiais e particulares, características essas que